Arquivos cerâmica - Attuale

cerâmica

29mar 2018

A 16° EXPO REVESTIR, conhecida como a Fashion Week da arquitetura e construção, aconteceu nos dias 13 a 16 de março de 2018 e foi encerrada com participação de mais 62 mil visitantes. Grandes novidades que encantaram e inspiraram a todos são lançadas na Expo Revestir, confira abaixo alguns destaques que trouxemos para vocês.

Revival

Uma tendência marcante foi um revival do nosso emblemático granilite, que fez sucesso na arquitetura brasileira dos anos 1940 a 1970. Esse efeito de pedra granulada foi traduzido em porcelanatos. Uma inspiração vintage que marcou presença inclusive nas últimas feiras internacionais de cerâmica.

A Roca Cerâmica é uma das marcas que aposta forte nesta coleção, oferecendo para quem deseja criar ambientes diferenciados com resgate moderno de uma tradição secular. Esse tipo de produto tem indicação de aplicação para áreas internas e externas, residenciais e comerciais, de tráfego médio, com e sem brilho. Veremos muito por aí ainda!

 

 

01

Roca Cerâmica

 

02

Roca Cerâmica

 

Elementos Vazados: delimitação de ambientes com estilo, priorizando ventilação e iluminação.

Elemento tradicional da arquitetura, os cobogós vêm repletos de brasilidade e carregados de significado cultural. A tradicional marca Manufatti, que sempre é um ponto alto da Exporevestir,  apresentou uma linha de cobogós inédita no mercado, a linha Rizoma, em parceria com o renomado Estúdio Guto Requena. Os produtos têm como inspiração as formas orgânicas de um rizoma, sem raízes e nem hierarquias para sobreviver, os cobogós traduzem na sua estética e concepção a cultura brasileira e a valorização do artesanal através de mecanismos digitais. A nova coleção, composta por dois modelos, também faz a simbiose entre o virtual e o manual com intuito de criar possibilidades da junção de ambas as partes e ampliar as opções de layouts e formas para composição do produto no ambiente. Além dela, tradicionais marcas como a Roca Cerâmica também lançaram uma linha de cobogós cerâmicos com diversas cores e aplicações.

Ainda, a Mosarte, foi outra renomada marca que apostou no estilo conceitual faça-você-mesmo e lançou através de sua marca MosarteLab uma linha de cobogós prática e funcional com peças encaixáveis e modulares de fácil montagem.

 

3

Manufatti – Coleção Rizoma assinada por Guto Requena

 

04

Roca Cerâmica

 

05

MosarteLab

 

Grandes formatos e pequenas espessuras

Se há pouco mais de 3 ou 4 anos, se falava nos chamados “grandes formatos”, que chegavam no mercado nas dimensões 80x80cm ou até nos avantajados 1,2m x 0.60m, a ExpoRevertir 2018 ousou e dobrou as apostas.

Os maxiformatos, que já são uma tendência europeia, foram apresentados na Revestir deste ano com peças que chegam a medir 3m x 1,50m e esse padrão de dimensões estiveram presentes nos stands de grande parte das conceituadas marcas fornecedores de porcelanatos.

Propondo mais uniformidade no visual de todos os ambientes da casa, carregados de requinte e refinamento inclusive em ambientes externos, as peças maiores são da altura dos pés-direitos. Além disso, com o emprego de tecnologia de ponta, as espessuras estão cada vez mais milimétricas, de 6 a 9mm,  trazendo mais leveza e resistência às peças.

A mensagem é que os NOVOS  grandes formatos vieram de vez para o Brasil!

6

Roca Cerâmica, Portinari

7

 

Revestimento com relevos tridimensionais

A Colormix surpreendeu a todos com lançamentos do 3Dtiles, um revestimentos leve, indicado para paredes internas, de fácil instalação e que pode ser aplicado em paredes de gesso, proporcionando o efeito e a sofisticação dos tradicionais painéis em cimentício. O 3DTile é um composto arquitetônico produzido com fibras, agregados químicos e gipsita e que aceita pintura após instalado, garantindo que o produto receba a estampa e os efeitos desejados.

8

Colormix

9

 

3D pra que te quero!

Não se pode negar, uma forte tendência que vem se reinventando a cada ExpoRevestir são os produtos com volumetria. Ora com mais, ora com menos, ora com espessura outra com o efeito da impressão em HD, o efeito de luz e sombra sempre tem espaço nos lançamentos de diferentes marcas.

10

Portinari

 

11

 

12

Castelatto

 

Apelo ao natural – madeiras continuam inspirando e vêm renovadas, subindo as paredes.

Produzida em concreto arquitetônico, a linha Shou Sugi Ban da Castelatto insistiu na tendência ao que é natural. Inspirada em uma antiga técnica japonesa que tem como objetivo proteger a madeira por meio da queima de suas camadas superficiais, causando um efeito único.. Ao final, o que parece uma madeira, na verdade é feito com concreto.

13

Castelatto

 

14

 

 

Fonte: www.exporevestir.com.br

14out 2014

A chegada de uma nova estação traz com ela o movimento de cores, estilos e texturas , mostrando as tendências de um novo ciclo. Assim como roupas e acessórios, as coleções de revestimentos se reinventam trazendo releituras, adaptações e novidades para mostrar o que acontece neste mundo em permanente movimento.

Pensando nisso, aconteceu no dia 13/10/14 o coquetel de lançamento da semana da moda nas Lojas Attuale Revestimentos e Criare Móveis Planejados. O evento contou com a presença da imprensa , lojistas, apoiadores, autoridades e convidados especiais, com o objetivo de mostrar a programação da semana.

06out 2014

Pensando que lavabo é uma área social da casa, geralmente utilizado por visitas, o espaço precisa de um toque a mais na decoração. Abuse dos itens feitos essencialmente para estes espaços, pensando que é uma área bem menos úmida que o banheiro e, portanto, os objetos terão durabilidade garantida. O espaço pode e deve ser uma área charmosa da casa, afinal, ele passará uma boa impressão aos convidados, que perceberão o cuidado que o anfitrião tem com cada detalhe.

Aposte em revestimentos diferenciados, além de vasos e flores , dando cor e vida ao ambiente, juntamente com a iluminação, ela pode e deve fazer parte da decoração.

22ago 2014

O exagero de medidas nos projetos arquitetônicos que vem se fazendo cada vez mais presente no mundo da arquitetura e decoração também vem agradando, e muito, os amantes do requinte e de amplos espaços.

O pé direito, por exemplo é a medida entre o piso e o teto ,que passando dos 3,60 m já pode ser chamado de pé direito alto e a partir de 5 m , leva o nome de duplo, que nada mais é do que uma releitura moderna de ambientes clássicos, que além de deixar o espaço elegante ajuda a valorizar o imóvel.

Esse recurso acaba trazendo enormes vantagens, pois melhora a ventilação e a iluminação do espaço, além de proporcionar a criação de ambientes diferenciados e personalizados, causando um forte apelo estético.

A decoração dos ambientes com pé direito duplo deve ser bem pensada, tornando o espaço bonito e aconchegante. Pensando nisso, deve-se cuidar na hora de revestir, para que haja um equilíbrio entre o revestimento, o mobiliário e peças usadas na decoração, evitando que o ambiente fique poluído visivelmente.

Entre as opções de revestimentos estão a madeira, laca, emborrachados, fibras naturais , papéis de parede, adesivos personalizados, tecidos, revestimentos estofados com espuma, pedras decorativas, pastilhas, cerâmicas, cimentícios, além da tradicional pintura.

14ago 2014

As novas opções de revestimentos existentes no mercado, possibilitam que os projetos não fiquem restritos apenas aos ambientes internos. Já que a primeira impressão é a que fica, as fachadas dos imóveis, comerciais ou residenciais, também merecem atenção. Pensando na beleza, sofisticação e praticidade, cada vez mais são esboçados projetos que investem em revestimentos de qualidade, bonitos e práticos para manutenção.

A face visível de toda casa reflete a personalidade. Materiais de todos os tipos, da madeira ao aço, conferem individualidade a cada projeto e reforçam sua volumetria. As novas opções satisfazem a ânsia da arquitetura contemporânea por inovação e versatilidade e atendem a demandas de ordem prática, como por exemplo, durabilidade, baixa manutenção e conforto térmico.

Quando se fala em revestimento externo, o ideal é combiná-lo também com um projeto de paisagismo.

08ago 2014

Cobogó é o nome dado ao elemento, usado principalmente para evitar o superaquecimento de um ambiente iluminado, permitindo a passagem da luz e da ventilação.

Inicialmente feito com cimento, o cobogó passou a ser construído também com outros materiais como a argila, o vidro, a cerâmica, entre outros.

A função dos cobogós é de manter a privacidade no ambiente de forma que ainda permaneça integração. Esse elemento utilizado em nosso espaço ainda trabalha toda a parte do design , devido a sua forma e elaboração na hora de colocar.

Nas fachadas o cobogó assume, na maioria dos casos uma função decorativa possibilitando um belo visual. Já nos espaços internos é o material ideal para fazer uma separação visual entre ambientes, mantendo a passagem de luz e ventilação e criando um lindo painel decorativo. Uma ótima solução é utiliza-lo como biombo para separar o hall de entrada da sala de estar, ou ainda, para separar a sala de jantar da cozinha, por exemplo.

02jun 2014

Os pisos e revestimentos fazem muita diferença na decoração, preparados para aguentar diversos tipos de atrito de acordo com a sua resistência, é necessário cuidar deste tipo de material para que ele tenha uma longa vida útil.

Muitas coisas podem danificar pisos, azulejos e revestimentos: umidade, areia, rejunte inadequado, má conservação e o constante movimento de móveis (como cadeiras, poltronas, etc.).

Para manter o piso e azulejos sempre bonitos é necessário se atentar a pequenos detalhes, como a limpeza dessas peças. No dia a dia a maneira mais eficaz de eliminar manchas e outras sujeiras, é utilizar água e detergente neutro. Lembre-se que o produto deve ser sempre dissolvido em água, a aplicação direta na peça pode causar manchas.

Os pisos de madeira merecem um cuidado especial e deve ser limpo com produtos específicos para madeira, e em hipótese alguma deve se usar água ou deixar que este piso fique úmido.

Os móveis também podem causar arranhões, alguns superficiais e outros nem tanto, para evitar danos indica-se aplicar pedaços de feltro nos pés de mesas, cadeiras, poltronas e outros móveis.

A areia também é um elemento totalmente prejudicial para o piso, para evitar que eles fiquem danificados você pode utilizar tapetes ou capachos, que ajudam a diminuir os danos.

 

Fonte: www.joli.com.br

02jun 2014

Os pisos cerâmicos e os pisos de porcelanato podem ser facilmente confundidos, já que são muito semelhantes. O porcelanato chegou ao Brasil, cerca de 20 anos atrás e não demorou muito para se tornar sensação no mercado de decoração e construção.
A principal diferença entre os dois revestimentos está no processo de fabricação. O porcelanato, por sua vez, possui um processo de fabricação que é considerado tecnologicamente mais complicado, ele é feito a partir de uma mistura de porcelana e outros materiais.

O resultado desta técnica dá origem a um produto mais homogêneo, denso e com um aspecto vitrificado e no final das contas acaba sendo mais resistente do que as cerâmicas comuns. As suas características o tornam ideal para locais que possuam um tráfego grande de pessoas.

Isso não quer dizer que o porcelanato é melhor do que a cerâmica. As cerâmicas são mais delicadas e charmosas, o que garante um resultado estético mais agradável e harmonioso. Dependendo da forma como a manutenção for feita, a cerâmica pode durar menos do que o porcelanato. As cerâmicas são indicadas para ambientes que não tenham uma circulação muito grande de pessoas.

Pode-se dizer que não há perdedores nesta disputa, porcelanato e cerâmica se somam e formam novas possibilidades construtivas e decorativas.

Fonte: www.joli.com.br

Receba nossos conteúdos